Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2019

Vídeo novo: Governo Vargas (1951-1954)

Imagem
Na segunda parte sobre a República Nova no Brasil, vamos analisar o governo de Getúlio Vargas. Agora, por meio do voto, Vargas é eleito presidente para um mandato democrático. O que o Brasil esperava dele e o que aconteceu? Você descobre agora.

Seja um apoiador do Historiante! Acesse o site https://apoia.se/historiante e faça uma doação. A partir de R$1,00 você já nos ajuda (E muito!) a manter esse projeto e continuar ajudando muita gente pelo mundo!

Alzira Soriano e o voto feminino no Brasil

Imagem
Prof. Cleber Roberto
Redação do Historiante

O mês de fevereiro é marcado por uma importante conquista do movimento feminista no Brasil. Com o Código Eleitoral Provisório de 24 de fevereiro de 1932, durante o Governo de Getúlio Vargas, foi liberado o voto feminino, mas com uma série de restrições.

Foram anos de luta para essa conquista das mulheres, que teve início antes mesmo da Proclamação da República.

Mas foi num estado do Nordeste onde ocorreu o pioneirismo do voto feminino no Brasil, quatro anos antes do Código Eleitoral de Vargas. A primeira mulher a ter direito de voto no Brasil foi Celina Guimarães Viana, que pediu no cartório de Mossoró, no Rio Grande do Norte, para ingressar na lista de eleitores e ela votou nas eleições de 5 de abril de 1928.

O Rio Grande do Norte regulamentou seu sistema eleitoral, e no artigo 17 da lei eleitoral potiguar, de 1926, dizia: “No Rio Grande do Norte, poderão votar e ser votados, sem distinção de sexos, todos os cidadãos que reunirem as condiç…